Git LFS

git alias

Nesta seção, o objetivo é falar sobre os alias do Git. Para entender melhor a importância dos alias do Git, é preciso saber primeiro o que são. O termo alias é sinônimo de atalho. A criação de um alias é um padrão comum encontrado em outros utilitários populares, como o `bash` shell. Os alias são usados para criar comandos menores que correspondem a comandos maiores. Eles viabilizam fluxos de trabalho mais eficientes porque exigem menos teclas para a execução de um comando. Por exemplo, considere o comando git checkout. O checkout é um comando do git usado com frequência, o que resulta em muitos pressionamentos de tecla com o tempo. Um alias pode ser criado para que o comando git co seja equivalente ao git checkout, economizando energia humana para digitar ao permitir que a forma menor git co seja digitada ao invés da maior.

Visão geral do git alias

É importante observar que não existe um comando git alias direto. Alias são criados através do uso do comando git config e os arquivos de configuração do Git. Assim como com outros valores de configuração, os alias podem ser criados em âmbito local ou global.

Veja esses exemplos para entender melhor.

$ git config --global alias.co checkout
$ git config --global alias.br branch
$ git config --global alias.ci commit
$ git config --global alias.st status

O exemplo de código anterior cria atalhos com armazenamento global para comandos do git comuns. A criação dos alias não vai modificar os comandos originais. Dessa forma, o git checkout ainda vai estar disponível mesmo que o alias git co exista. Esses alias foram criados com a flag --global, o que significa que vão ficar armazenados no arquivo de configuração de nível do sistema operacional global do Git. Em sistemas linux, o arquivo de configuração global está localizado no diretório inicial do usuário em /.gitconfig.

    [alias]
        co = checkout
            br = branch
            ci = commit
            st = status

Isso mostra que os aliases agora são equivalentes aos comandos da fonte.

Uso

A criação de aliases do Git é habilitada pelo uso do git config. Para ter exemplos de opções e uso de linhas de comando, verifique as informações sobre o git config .

Exemplos

Como usar aliases para criar novos comandos do Git

Uma tendência do Git é a exclusão de arquivos da área de staging recém adicionados. Isso pode ser feito pelo uso de opções ao comando git reset. Um alias novo pode ser criado para resumir essa instrução e criar uma palavra-chave nova de comando de um alias que seja fácil de lembrar:

git config --global alias.unstage 'reset HEAD --'

O código de exemplo anterior realiza uma nova despreparação de um alias. Assim, permite a invocação do git unstage, que vai executar uma restauração na área de staging. Isso faz com que ambos os comandos a seguir sejam equivalentes.

git unstage fileA
$ git reset HEAD -- fileA

Discussão

Como criar aliases do Git?

Aliases podem ser criados por dois métodos principais:

Editar os arquivos de configuração do Git

Os arquivos de configuração locais ou globais aceitam edição e salvamento manual para criação de alias. O arquivo de configuração global está localizado no caminho do arquivo $HOME/.gitconfig. O caminho local está localizado em um repositório do Git ativo em /.git/config

Os arquivos de configuração respeitam uma seção [alias] que é mais ou menos assim:

[alias]
co = checkout

Isso significa que co é um atalho para checkout

Como usar a configuração do git para criar aliases

Conforme demonstrado antes, o comando git config é conveniente para a criação rápida de aliases. De fato, o git config ajuda a gravar arquivos de configuração locais e globais do Git.

git config --global alias.co checkout

A invocação desse comando vai atualizar o arquivo de configuração global subjacente assim como editado no exemplo anterior.

Resumo dos aliases do Git

Os alias do Git são ferramentas de fluxo de trabalho muito eficazes que criam atalhos para comandos do Git usados com frequência. Usar eles vai fazer com que você se torne um desenvolvedor mais rápido e eficiente. Eles podem ser usados para reduzir uma sequência de comandos do Git a um novo comando do Git, artificial. Os alias do Git são criados pelo uso do comando de configuração do git, que, em essência, modifica arquivos de configuração do Git locais ou globais. Saiba mais na página configuração do git.

Pronto para aprender sobre o Git?

Experimente este tutorial interativo.

Comece agora mesmo